Site Com Design Responsivo

Saiba poque razão a sua empresa deve ter um site com design responsivo

Redimensione a sua imagem, já!

No mundo perfeito, um utilizador de smartphones e tablets conseguiria aceder de forma rápida, fácil e principalmente ajustada ao ecrã, a toda a informação na Internet. Mas o mundo não é perfeito porque muitas empresas com presença online desvalorizam ou ignoram acessos à web via equipamentos móveis de dimensões mais pequenas que desktops e PCs.

A Internet mudou o modo como nos relacionamos com quem nos rodeia e os smartphones e tablets estão a alterar o modo como se fecham os negócios. Não há escapatória! O uso de dispositivos móveis é uma tendência que veio para ficar. Hoje, oferecer informações num formato compatível com ecrãs mais pequenos a uma velocidade superior, não é um luxo, é uma necessidade. E a maioria das empresas já percebeu isso.

Os consumidores querem ter acesso à informação e aos serviços, e querem-no de forma bem rápida. Com o avanço da tecnologia, já é possível que o utilizador faça praticamente as  mesmas ações no telefone que no computador. As empresas que ainda não se adaptaram a este novo universo mobile poderão perder a oportunidade para atrair clientes.

Na verdade, há uns anos atrás não bastava ter uma loja física, era necessário ter um site. Pouco tempo depois, os empresários aperceberam-se que um site também não era suficiente e começaram a expandir os seus negócios para redes sociais e blogs. E hoje, nada disso faz sentido se não existir uma versão mobile!

Como é mais fácil, rápido e barato aceder à Internet através do telefone – para fazer pesquisas, navegar em redes sociais, partilhar fotografias, assistir a vídeos, comprar produtos, etc – as empresas percebem que se não querem ficar atrás da concorrência têm de investir num site otimizado: adaptado a nível de dimensão ao ecrã do equipamento, seja smartphone ou tablet, de forma a que a imagem do site não fique nem demasiado grande nem demasiado pequena, dificultando a leitura ao visitante.

Com um site mobile as empresas aumentam ainda o nível de comunicação, a fidelidade dos clientes, a lealdade dos consumidores, a qualidade do serviço, as vendas e a notoriedade da empresa.

Se o seu site não possui um design responsivo (com layout adequado automaticamente ao formato do dispositivo pelo qual o utilizador está a aceder), invista já num modelo mobile. Porquê a pressa? Porque quando um cliente visita um site mobile friendly, é bastante provável que efetue uma compra. Está provado que este tipo de consumidores que usam o telefone para aceder à Internet, valoriza as empresas que oferecem uma experiência de navegação que responde às suas necessidades e que privilegia a rapidez e a facilidade na procura de informações. Pelo contrário, se encontra um site que não está preparado para navegação mobile, este consumidor raramente continua a navegar e procura o que necessita numa empresa concorrente.

site_design_responsivo

Saiba poque razão a sua empresa deve ter um site com design responsivo

  • Todas as pesquisas mostram que grande parte das atividades realizadas na Internet (procura de informações, serviços e produtos) ocorrem via dispositivos móveis;
  • Estima-se que no próximo ano, um bilhão de consumidores use apenas dispositivos móveis para aceder à Internet;
  • De acordo com o Google, as pesquisas realizadas por meio de dispositivos móveis aumentaram em 1000% no último ano;
  • Há cada vez mais ofertas de conexões 3G de baixo custo;
  • A Internet móvel permite que o utilizador pesquise por informação no exato momento em que dela necessita;
  • Com um site otimizado, qualquer empresa fica entre os primeiros resultados de motores de buscas;
  • Um site mobile permite distinguir o seu negócio da concorrência;
  • Os sites mais clássicos, sem versão mobile, desagradam aos utilizadores de dispositivos móveis e podem-se traduzir na perca de um negócio ou de uma compra;
  • Os utilizadores de dispositivos móveis preferem aceder a informações em sites que se adequem aos seus equipamentos;
  • Grande parte dos utilizadores de smartphones, serve-se do telefone para comparar preços em sites, enquanto visitam as lojas físicas, além de também comparar preços com lojas de concorrentes do mesmo segmento;
  • Uma percentagem significativa de pessoas faz compras utilizando dispositivos móveis;
  • Pesquisas em motores de busca como o Google, via smartphones, obtiveram um crescimento enorme e a tendência é para crescer mais ainda;
  • Em relação a acesso à Internet, os desktops e notebooks estão a ficar em segundo plano;
  • O site otimizado deixa sua marca muito mais visível e aumenta as chances de que sua empresa seja encontrada por um novo consumidor;
  • Com um site mobile, pode ter a certeza que a sua informação é acessível e pode ser visualizada num ecrã menor, de maneira rápida e adequada, sem desperdício de cliques ou sem riscos de que o seu cliente não encontre o que procura;
  • O site montado especificamente para smartphones oferece às pessoas uma busca fácil, confortável, rápida e eficiente;
  • Cerca de 75% dos compradores de smartphones, afirmam que suas decisões de compra foram influenciadas pela utilização de um smartphone;
  • Um dispositivo móvel é a forma mais pessoal de comunicação e começa a ser um meio bastante poderoso. Se uma empresa conseguir atrair um cliente no seu telemóvel, então terá certamente conseguido o mesmo em qualquer outra plataforma;
  • Estudos indicam que cerca de 60% dos visitantes móveis de um site mobile acabam por finalizar o negócio;
  • Segundo dados do Relatório Cisco VNI, a utilização de dispositivos móveis continuará a crescer nos próximos anos. Em 2018, estimam-se perto de 5 mil milhões de utilizadores e mais de 10 mil milhões de dispositivos móveis;
  • Páginas com versão mobile permitem um maior número de acessos, comentários e partilhas, levando a um aumento da relevância para os motores de busca, como o Google. As empresas com sites mobile obterão destaque e aparecerão primeiro que as que não têm uma versão mobile desenvolvida.

Como deve ser um site com design responsivo?

1. Deve ser um site acessível num desktop, num PC, num tablet e num smartphone

Atenção que para ter uma versão mobile do seu site, não tem necessariamente de criar um site novo. Na maioria dos casos, basta trabalhar o que já tem à medida dos utilizadores que vão aceder a partir de ecrãs mais pequenos. A única coisa que tem de fazer é garantir um template concebido a pensar em dispositivos móveis, ou seja, que se reconfigure quando for acedido a partir de um smartphone ou tablet. Será mais rápido, mais eficiente e menos caro do que desenvolver um site novo apenas para dispositivos móveis.

A melhor opção para a sua empresa está, em última análise, dependente do seu orçamento e tipo de negócio. Em caso de dúvidas sobre o arranque deste projeto, consulte o Google Analytics que é uma ferramenta crucial para esta tomada de decisão porque lhe apresenta os dados de tráfego discriminados por fonte, páginas mais acedidas por dispositivos móveis, entre outras informações. Munido destas descrições consegue então identificar melhor o seu tipo de visitante e o equipamento que usa para o encontrar na web e assim pode optar pela versão mobile com mais segurança, certo das vantagens e das oportunidades de negócio que vai trazer à sua empresa.

2. Deve atender às expetativas dos clientes

Ao pensar em transpor o seu site original para uma plataforma mobile, deve atender a pormenores que tenham a ver com as expectativas dos utilizadores de smartphones e tablets, para que a experiência de navegação via plataformas mobile seja tão boa quanto a experiência em desktops e notebooks.

3. Deve ter velocidade qb

Desenvolva um site que carregue rapidamente porque a velocidade é a palavra-chave! Se sites lentos para desktops já são penalizados pelo Google e já ocasionam altas taxas de rejeição por parte dos visitantes, imagine a percentagem dessas taxas em utilizadores de dispositivos móveis!

O ideal é que os sites mobile sejam carregados em (até) 3 segundos.

4. Deve dar prioridade ao conteúdo relevante

O primeiro passo na criação de um site mobile é determinar o conteúdo que vai incluir. Dada a quantidade limitada de espaço no ecrã, é importante descobrir quais são as informações mais importantes do seu site, aqueles itens que os visitantes procuram mais e precisam de encontrar rapidamente.

Depois de os determinar, dê-lhes destaque. Dê prioridade ao conteúdo revelante reduzindo a quantidade de texto e dividindo-a em blocos, pois assim a leitura torna-se fácil.

5. Deve adequar as imagens e o design

Compacte as imagens para que o seu site mobile possa ser carregado de forma mais rápida. Lembre-se de que além de estar a expor o seu conteúdo num ecrã menor do que o de um notebook ou desktop, pode ser que o utilizador do smartphones ou tablet esteja num ambiente com pouca luz. Portanto, não aproxime as cores dos textos do seu site com a cor do background. Para botões, use efeitos de cores e sombreamentos, porque isso facilita os cliques. Minimize a rolagem ao máximo e mantenha sempre um visual vertical. Mantenha também os botões de navegação “voltar”, “avançar”, “início”, etc, sempre em destaque. Em relação ao link building nos textos, use até 7 links por página de navegação.

6. Deve apresentar poucas páginas

Como os sites mobile são mais lentos para carregar do que os sites tradicionais, é importante ter um número mínimo de páginas. Os utilizadores não têm paciência nem tempo para clicar em várias páginas e por isso deve apresentar um site flexível, simples e intuitivo. Nada de opções confusas, limite-se aos itens mais importantes, aqueles que os seus clientes mais procuram.

7. Deve manter a identidade visual

Mesmo que o seu site mobile seja mais ágil do que o seu site tradicional, deve incorporar os mesmos elementos de identidade visual em ambos. E deve faze-lo porque um site mobile é um ponto de contato da marca e deverá refleti-la e promove-la na sua essência. Além disso, para os utilizadores que já estão familiarizados com a sua empresa, um site idêntico ajuda a identificar a maca e fá-los sentir-se confiantes.

8. Deve implementar uma CDN

Implementar uma CDN (rede de distribuição de conteúdo) vai ajudar a entregar mais rápido os arquivos estáticos do seu site mobile. A entrega dos conteúdos utilizando a CDN é feita por localizações geográficas o que permite que a entrega seja mais rápida. É um ótimo investimento e reduz gastos com servidores.

9. Deve ter direcionamento móvel

Assim que o seu site esteja pronto para funcionar em ecrãs mais pequenos, não se esqueça de colocar direcionamentos no lugar que identifica se o visitante está a usar um dispositivo móvel, de modo a levá-lo até à versão otimizada do site.

Uma vez que seus direcionamentos estejam corretos, qualquer pessoa que clique no seu site na web ou que clique num link de um motor de busca através de um equipamento móvel, verá automaticamente aberta a versão mobile do seu site.

10. Deve tornar o seu site mobile acessível em todos os ecrãs

A versão mobile do site da sua empresa deve funcionar em qualquer plataforma móvel, independentemente das suas resoluções de ecrã. Se puder, não utilize arquivos em Flash pois esta é uma tecnologia em desuso. Use HTML5 para oferecer animações, transações de imagens e outros tipos de interatividade de forma eficaz.

11. Deve evitar que a versão mobile perca atributos quando comparada à versão original

Apesar de não ser necessário que todas as imagens e conteúdos de texto do seu site original estejam visíveis na versão mobile, não deve deixar de manter os principais recursos e funcionalidades da versão tradicional do site.

12. Deve integrar com o marketing digital da empresa

Depois de preparada a versão mobile do site, é necessário integrá-la com as ações de marketing digital da sua empresa – que por sua vez se integram com o planeamento de uma boa campanha de web marketing – de modo a maximizar resultados.

E agora? Está preparado para otimizar o seu site para dispositivos móveis ou prefere continuar a perder dinheiro?

Print Friendly, PDF & Email

About The Author

Sofia Santos

Licenciada, pós-graduada e mestre em Comunicação, exerce atualmente a atividade de Técnica de Marketing na PC.Clinic. Adora as estratégias online para difusão de marcas, produtos e serviços de empresas mas gosta mais ainda de as usar para ir ao encontro dos desejos e necessidades dos consumidores mais exigentes. Pelo meio não consegue largar a produção de conteúdos de qualquer género e em qualquer tipo de suporte. Para ela escrever é dançar com as letras. É brilhar, rodopiar, suar, cansar, aprender, rir e sonhar. Ir e voltar sem sair do lugar.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *