12 Passos Para Abrir Uma Loja Online

abrir loja online

Longe vão os tempos em que para adquirir um produto um consumidor tinha de sair de casa e dirigir-se a uma loja. Hoje em dia, esteja onde estiver e seja a que horas for, desde que tenha acesso à Internet, pode pegar num smartphone ou num computador, entrar numa loja online, colocar um produto no carrinho de compras, pagar e aguardar a entrega na comodidade do lar. Não há forma mais cómoda, simples e eficaz do que esta para fazer compras! Mas isso já você sabe, até porque está com deias de abrir uma loja virtual, não é verdade? O que pode não saber é quais são os passos para abrir uma loja online! Podemos ajudar?

O comércio eletrónico cresceu 12,5% em Portugal no ano passado, para um total de 4.145 milhões de euros, de acordo com informações publicadas no terceiro e-Commerce Report CTT. Isso significa que – e ainda de acordo com a mesma pesquisa – 4 em cada 10 portugueses fazem compras online e a tendência é para o número aumentar muito devido à comodidade e facilidade, a preços baixos e a uma boa experiência de compra, e isto já para não falar do aumento de dispositivos com acesso à Internet em Portugal! Assim, motivos não lhe faltam para desejar abrir uma loja virtual. O que falta é indicarmos os passos para abrir uma loja online. Vamos a eles!

1. Faça uma pesquisa de mercado

Se pretende abrir uma loja para venda online de comida para pandas, pode passar à frente a leitura deste artigo, porque grosso modo não existe procura para esse produto. E é para não defraudarmos as suas expetativas que avisamos que o primeiro dos passos para abrir uma loja online é fazer alguma pesquisa de mercado para ter a certeza de que existe procura para os produtos ou serviços que pretende vender. E nem precisa de sair aqui da Internet para o fazer! O Google pode oferecer todas as informações que precisa sobre o seu público-alvo, concorrência, fornecedores e outros parceiros.

2. Crie uma empresa online

Se verificou através da pesquisa de mercado que a sua ideia tem pernas para andar, é hora de criar a sua empresa online de forma a dar credibilidade ao negócio. Para tal, o Portal da Empresa desenvolveu ferramentas que permitem criar, de forma simples e segura, empresas online.

Call-to-action
Precisa de ajuda para criar a sua empresa online? Obtenha toda a informação necessária, aqui!

3. Aloje o seu site na Internet

Depois, e seguindo os passos para abrir uma loja online, deve escolher o alojamento do seu site, tendo em conta o limite do espaço em disco, tráfego mensal, contas de email, bases de dados e outros itens que possam influenciar a decisão que, basicamente, assenta em duas opções:

  • Pode fazê-lo nas instalações da sua empresa, com um investimento inicial mais significativo.
  • Ou pode fazê-lo na nossa empresa, pagando uma mensalidade ou anuidade pelo serviço de alojamento web na Internet.

4. Escolha um bom domínio e registe-o

Escolha um domínio (.com, .pt, .net, .org, etc) que de facto identifique o seu site na Internet e um bom nome de domínio que faça referência ao seu negócio: informativo, mas ao mesmo tempo chamativo para que o seu público-alvo se lembre dele. E depois registe o domínio na nossa empresa!

5. Decida qual vai ser o modo de pagamento

Criar uma loja virtual implica vender através da Internet e isso, por sua vez, implica a escolha de um modo de pagamento. Felizmente que há várias soluções disponíveis, de Visa a Mastercard, passando por transferência bancária, MB NET, cartão de crédito ou débito e Paypal. É só escolher a(s) sua(s)!

6. Decida como vai expedir os produtos

Se vai vender através da Internet, tem de decidir qual vai ser o seu sistema de entrega dos artigos. Se não quer receber reclamações, pesquise bem e opte por uma transportadora com qualidade e reputação dentro da sua área de atuação.

7. Decida qual vai ser o software da loja virtual

Mais passos para abrir uma loja online? Ora, precisa de um software que faça a ligação entre o site e infraestrutura do negócio e que permita aos clientes escolher os produtos, encomendar, alterar encomendas e efetuar pagamentos. Há bastantes softwares disponíveis no mercado e alguns até são gratuitos. No entanto, também pode optar por soluções construídas à medida do seu negócio. A par, será necessário um sistema informático de gestão empresarial (Enterprise Resource Planning ou ERP) que integre todas as funções mais importantes da gestão da sua empresa, que seja certificado e permita a emissão do ficheiro FAF-PT para as Finanças e se quiser, junte-lhe um CRM ou sistema informático de gestão dos clientes (Customer Relationship Management).

Clique aqui para saber como implementar um CRM!

8. Crie uma conta bancária comercial

Para gerir as transações financeiras online, vai precisar de criar uma conta bancária comercial e um gateway de pagamento, ou seja, uma aplicação para e-commerce instalada num servidor remoto e mantida por uma operadora financeira que autoriza pagamentos de transações feitas online. Se prefere um sistema mais simples e gratuito, basta colocar um carrinho de compras PayPal.

9. Verifique o stock

Para assegurar que os seus produtos são entregues aos clientes a tempo e horas, é importante que siga mais um dos passos para abrir uma loja online e invista na logística mantendo o stock alinhado com as vendas, mas preparado para picos de encomendas.

E por falar em picos de encomendas, saiba como aumentar as vendas online na época do Natal.

10. Prepare a informação sobre os produtos/serviços

Comece a organizar toda a informação possível sobre os produtos ou serviços que tem para oferecer, nomeadamente:

  • Categorias e subcategorias.
  • Opções dos produtos/serviços.
  • Descrições, fotografias e benefícios dos produtos/serviços.
  • Referências numéricas.
  • Preços, portes e impostos a pagar.

Dicas para melhor fotografar produtos para a sua loja virtual.

11. (H2) Teste a sua loja online

Depois de fazer upload dos seus conteúdos para o servidor, deve testar cuidadosamente a sua loja virtual, se possível mais do que uma vez e tendo em atenção o seguinte:

  • Funcionamento dos links.
  • Compatibilidade com os vários browsers e tamanho de ecrãs.
  • Validação html/xhtml.
  • Funcionamento dos formulários (caso os tenha integrado).
  • Tempo de carregamento do site.

12. Promova o seu negócio

E o último dos passos para abrir uma loja online é divulgá-la porque não basta colocar um negócio na Internet, há que promovê-lo. Como? Usando, entre outras, estas estratégias de marketing digital:

  • Produção de conteúdos relevantes de modo a conquistar leads e acompanhar a sua buyer persona em diferentes estágios da compra: de prospect a fã. Deve aproveitar esses conteúdos para o site e loja, mas também para um blogue e redes sociais, nomeadamente Facebook, Instagram e LinkedIn.
  • SEO (Search Engine Optimization) de forma a otimizar os seus conteúdos para os motores de pesquisa como o Google e com o objetivo de aparecerem nos primeiros lugares nas pesquisas feitas pelo seu público-alvo.
  • Email marketing para conquistar e se relacionar bem com o seu público. Isto se já tiver uma boa base de contatos, claro.
  • Links patrocinados se quer um resultado mais rápido, pois são uma excelente estratégia de divulgação, tanto da loja como dos produtos/serviços específicos. Duas das melhores ferramentas para fazer links patrocinados são o Google Adwords e Facebook Ads, mas existe ainda outra forma de publicidade paga muito eficaz: a rede de display, ou seja, os anúncios em forma de banner em sites e blogs parceiros do Google, sendo que o objetivo aqui é perceber por onde navega o seu público-alvo e criar banners que apareçam nesses locais estratégicos.

Aproveite para ler também o nosso artigo com 20 ideias para promover a sua empresa no Facebook.

Como vê, são apenas 12 passos para abrir uma loja online. E se der um pequeno passo por dia em pouco tempo tem o seu negócio a funcionar na Internet. Boa sorte!

Sobre Sofia Santos
Sofia Santos
Para ela escrever é dançar, rodopiar, suar, cansar, brilhar, aprender, rir e sonhar. Ir e voltar sem sair do lugar!

Licenciada, pós-graduada e mestre em Comunicação.

Certificada em Content Marketing e Inbound Marketing pela HubSpot Academy.

Lançou o projeto Conteúdo & Manteúdo - de produção profissional de conteúdos para web – com a missão de melhorar o posicionamento da informação dos negócios nos motores de pesquisa, atrair um público-alvo específico, aumentar o número de acessos e partilhas, fidelizar leitores, ampliar a visibilidade e autoridade das empresas e, claro, conquistar clientes e torná-los clientes fiéis!

No fundo o seu objetivo é redigir artigos que possam interessar e oferecer soluções para os problemas dos clientes… dos seus clientes!
Deixe um Comentário