Pesquisa de domínio. Como comprar um domínio?

Comprar um registo de domínio.

O registo de domínio é relativamente simples. Parece uma ação fácil e rápida; preencher o formulário da ferramenta que vai verificar se o nome de domínio está livre para registo. Se não está livre, repensar o nome, e voltar a tentar. Se está livre para registo, clicar no botão da encomenda e já tem o seu novo registo de domínio. Fácil!

O registo de domínio vai marcar o seu projeto de Internet. Seja um website de uma empresa ou um blog pessoal. O nome do domínio que escolher vai ser a porta de entrada do seu projeto, o primeiro ponto a somar a muitos para que o projeto tenha sucesso.

O nome do domínio a registar é muito importante. Na generalidade das interações o registo de domínio vai ser o primeiro elemento do seu projeto que o utilizador, futuro cliente, vai ver. Por isso, é importante criar uma boa primeira impressão.

E a boa primeira impressão também é a reputação do registo. É importante ter a noção que o nome de domínio que vai registar, pode já ter sido registado anteriormente, pode estar livre para registo neste momento, mas pode ter sido usado anteriormente e é necessário verificar se não tem um historial malicioso, complicado ou muito mau.

Como pode consultar o historial de um registo de domínio? Fale connosco.

Registar domínio com ou registar domínio pt?

Quando falamos de registo de domínios, não podemos deixar de mencionar o rei e senhor da Internet, o “dot com”. O .com é em muitos casos a primeira escolha para o projeto do website. Não é por acaso que os websites mais visitados em Portugal são na sua generalidade todos .com!

O .com é uma força, é uma marca que credibiliza o website que o usa. Se o seu projeto é baseado na língua inglesa e vai ter uma audiência onde a língua materna é o Inglês recomendo que escolha um domínio .com!

Mas e se o nome que pretendemos não é possível no registo em .com? Como proceder? A quantidade de domínios .com registados é enorme e cresce todos os dias. Muitos nomes já estão registados, reservados e/ou à venda, como propriedades virtuais. O valor pago pelo domínio, neste mercado, compensa os benefícios? Por vezes.

Para quem não quer comprar um domínio nestas condições ou não tem orçamento para isso, existem excelentes extensões para experimentar. Pode usar o .net, .org, .eu ou mesmo o .co!

Então e o .pt? O registo de .pt também é recomendado. Se o seu website vai ter como audiência Portugal, é recomendado que use o registo .pt. Mas recomendo que registe também o domínio em .com e redirecione-o para o .pt! É uma ação preventiva, que protege e também valoriza o nome que vai escolher para o seu domínio.

E o que dizer do .eu? Eu pessoalmente gosto muito do .eu! É uma boa ferramenta para divulgar o seu produto ou marca pela Europa. É uma excelente forma de dizer que está aberto para negócios para todos os parceiros europeus. É neste sentido uma mais valia para qualquer projeto, para qualquer website.

Mas são todas as extensões de domínios boas para registo? Hoje em dia temos novas extensões de domínios, desde do .art, ao .guru, até ao .xyz! São todas boas ideias para investir o nome do nosso website? Resumidamente, não. Nem pensar! Nem todas as extensões são boas para registo. Se pesquisar, vai encontrar notícias de motores de busca que penalizam determinadas extensões de registo de domínios. A razão? Pela reputação dos websites, em geral, dessas extensões. Assim, mesmo que o seu novo projeto seja criado com as melhores práticas e com as melhores das intenções, pode ser penalizado só por escolher mal a extensão do registo de domínio.

A conclusão é simples. Aposte no que objetivamente funciona. Se possível aposte num .com se a audiência for um website global, para audiências de língua Inglesa. Aposte num .pt ou .eu se a geografia do projeto for mais especifica.

Mas, não tenha medo de apostar noutras extensões, caso a extensão de domínio que pretende não estiver livre nem em .com nem em .pt, pode apostar numa extensão mais especifica com o conteúdo, se o seu website for sobre artes, o .art é uma alternativa interessante. Se o seu website for sobre eventos e festas, por exemplo, existem alternativas como o .vip, .dance ou o .cool. E assim sucessivamente.

Um nome de domínio curto e fácil de ser lembrado.

Enquanto escrevo este texto, consulto a tabela do top dos nomes de domínios da Internet mais visitados no mundo, e encontro no trigésimo terceiro lugar um nome de domínio com quinze caracteres. Do primeiro lugar ao trigésimo terceiro lugar, o normal é o nome do domínio ter oito ou menos caracteres. Mais, do trigésimo terceiro lugar ao quinquagésimo lugar a regra sofre uma pequena alteração, encontramos na maioria domínios com nove ou menos caracteres. E os que não encaixam nesta regra não são mais do que uma mão cheia de nomes. Isto não é um acaso.

Nome curtos e melódicos são mais fáceis de memorizar. Mas fáceis de lembrar, de escrever e de divulgar. Por último, evite nomes que podem gerar dúvidas na forma como são escritos.

Um nome de domínio com acentos?

Não é comum os nomes de domínios conterem acentos. Mas os nomes de domínio com caracteres especiais (IDN’s) são possíveis e até recomendados por entidades. Pessoalmente não recomendo, pela simples razão de não serem comuns, de uso comum. Quantas vezes na sua utilização da Internet viu e utilizou um domínio nestas condições?

E por não serem comuns vão criar confusão nos seus utilizadores e potenciais clientes. Outra razão é que ao consultar a tal tabela do top dos nomes de domínios da Internet mais visitados, desta vez, em Portugal não encontro um único domínio com acento.

Devemos usar hífen e/ou números?

Não recomendo. Voltamos à questão de causar uma boa primeira impressão. Por alguma razão, um domínio com um hífen ou com números não causa uma boa primeira impressão. Parece uma escolha descuidada e pouco profissional, e por essa razão não deve usar nem hífen, nem números.

Um nome de domínio para o futuro.

Tente escolher um nome de domínio que seja intemporal, tente não cair na armadilha de escolher um nome baseado numa tendência que será esquecida no próximo tema viral. A escolha do nome deve ser ponderada e deve abranger o mercado de trabalho do seu projeto. É difícil, muitas vezes impossível, mas esta é a abordagem ideal.

Nome confundível com domínio já existente ou marca registada.

Não é recomendável tentar tirar dividendos de nomes parecidos com projetos já existentes. Não vai conseguir criar a sua marca, nem progredir o seu projeto e muitos utilizadores vão perder a confiança no seu projeto. Poderá também ter graves problemas legais.

Mesmo que tenha a certeza, do seu conhecimento e bom senso, que o nome que criou não existe, confirme se é mesma assim, que o nome que criou não é uma marca registada. Caso não seja, aproveite e proteja o seu projeto, considere registar o nome como uma marca.

Considerações finais.

Ainda há muito trabalho pela frente. A escolha do nome que vai usar como domínio do seu website ou projeto é um pequeno passo para o seu sucesso na Internet. Mas talvez seja dos mais importantes passos a dar. Todas as considerações escritas aqui são regras observadas em exemplos de sucesso e anos de experiência. Mas há sempre aquele novo exemplo que é a exceção à regra. O nome de domínio que vai querer registar pode não estar disponível na extensão que vai desejar. Não desanime. Leia o texto e siga as regras descritas nele e espero que o ajude a escolhe um excelente nome de domínio para o seu sucesso na Internet.

 

Sobre António Oliveira
António Oliveira
Deixe um Comentário