Como fazer um site em 30 minutos

como fazer um site

Descubra como fazer um site em 30 minutos

Há uns anos atrás, se nos atrevêssemos a publicar um artigo com o título “como fazer um site em 30 minutos”, seriamos alvo de risota e chacota. É que tempos houve em que construir um site era um trabalho complexo, reservado a profissionais especializados que poderiam demorar meses a pôr online uma plataforma com apenas 3 ou 4 menus diferentes. Mas hoje não é bem assim! Não precisa de conhecimentos de informática nem de conhecimentos de web design para fazer um site moderno e de qualidade. Conheça as etapas para fazer um site em 30 minutos e aceite o desafio!

1. Abra uma conta numa plataforma de criação de sites

Registe-se numa plataforma de criação de sites ao género sitebuilder em que é suposto que seja você mesmo a construir o site de forma rápida e intuitiva.

Se pesquisar por “criação de sites” no Google, encontrará um rol de opções, pelo que meia hora não basta para fazer uma triagem e chegar à melhor alternativa. Nesse sentido – e apenas para lhe poupar tempo – aconselhamos desde já os serviços da PME. É só entrar e clicar aqui para escolher o seu plano para fazer um site: do site start, mais básico, ao site premium, mais complexo!

2. Registe um domínio

Assim que escolher o seu plano, a PME – ou outra empresa de criação de sites – vai perguntar se já tem domínio ou se pretende registar um domínio. Diga que sim, que quer registar um domínio e escolha o que mais lhe convém, tendo em conta que o domínio é o nome do seu site, por isso é necessário que seja escolhido com cautela. O domínio nacional (.pt) é o mais aconselhado para empresas que só atuam em Portugal, já que é o mais imediato, mas também pode optar por um domínio internacional (.com) ou mesmo por um domínio mais específico (como .org). Decida também qual vai ser o nome do domínio, mas prefira um nome simples, de preferência composto apenas por uma palavra, como: empresa.pt

O registo do domínio na PME inclui um plano de alojamento web, com 5 contas de email, um sitebuilder muito fácil de usar para criar o site da sua empresa, um certificado SSL grátis no primeiro ano e painel de controlo para a gestão do DNS, subdomínios e redirecionamentos de URL.

3. Decida-se por uma forma de alojamento web

O alojamento web é fundamental para guardar a informação do seu site 24 sobre 24 horas, e por isso o terceiro passo a dar para fazer um site em 30 minutos é escolher o tipo de alojamento web, sendo que qualquer empresa de criação de sites coloca à sua disposição várias hipóteses. Basta optar pela que responde às necessidades do seu negócio.

4. Escolha o design

E agora vem a parte mais divertida! Escolher o design do seu site! Seguramente que vai ter vários templates à escolha, pelo que o melhor é começar já a ronda pelos designs para decidir qual é o que condiz melhor com a sua marca e atividade comercial. O facto de os templates estarem alinhados em categorias, vai acelerar este processo e permitir-lhe passar rapidamente à inserção de conteúdos.

A PME, por exemplo, tem 350 templates responsivos para você fazer o site e compatíveis com qualquer tipo de tamanho de ecrã!

5. Adicione conteúdos

Escolheu o template? Ótimo! Pode começar a inserir o conteúdo! Como? Usando um construtor de sites que dispense profundos conhecimentos de HTML (como o construtor de sites da PME) e que facilite o seu trabalho que, de resto, não é nada complicado… Primeiro, tem de dar um título ao site, escrevendo-o no local indicado para o título. Depois, sim, pode começar a criar os seus menus e submenus, preenchendo-os com textos, imagens, vídeos, galerias de produtos, tabelas, etc, e usando o sistema “drag and drop” (arrastar e largar) para ir adicionando sem necessitar de conhecimentos de programação para criar um site incrível.

Relativamente aos textos, é tal e qual como se estivesse no Word – ou mais simples ainda – pode formatar como entender, usando os parágrafos, espaçamentos, alinhamentos, tipos de letra, sublinhados, itálicos e negritos que desejar!

No final pode optar por colocar botões para redes sociais e até por criar um blog para publicar conteúdos relevantes com frequência. Importante é não se esquecer de escolher também um formulário de contacto para que os seus visitantes possam usar o site para falar diretamente com a sua empresa.

Otimize com SEO

Se quiser ocupar um dos melhores lugares nos resultados de pesquisa do Google, pode fazer otimização SEO no seu site. A maioria dos sitebuilders atuais é compatível com técnicas de otimização SEO.

6. Preencha as configurações gerais

Depois de editar o site, edite as configurações gerais no Painel de Controlo, regra geral no canto superior esquerdo do ecrã. É aqui que pode interligar o seu site com o Google Analytics, para monitorizar os acessos, anexar um domínio, ativar o modo “em construção”, etc.

7. Veja o resultado final

Grave e verifique se o seu site está preparado para entrar no maravilhoso mundo online. Verifique se não há erros, falhas de ligações ou problemas a nível de responsividade em equipamentos com ecrãs mais pequenos, como smartphones. Estando tudo ok, grave e…

8. …Publique o seu site!

​Com um clique no botão “publicar” tem o seu site acessível na Internet!

Parabéns, conseguiu fazer um site em 30 minutos! E mesmo que não tenha conseguido chegar ao site dos seus sonhos, chegou, pelo menos, à empresa de criação de sites correta para o acompanhar ao longo de todos os ajustes que bem entender para que a sua empresa tenha uma presença forte na Internet.

Aqui, na PME, temos o site que precisa e o que precisa para o seu site!

Sobre Sofia Santos
Sofia Santos
Para ela escrever é dançar, rodopiar, suar, cansar, brilhar, aprender, rir e sonhar. Ir e voltar sem sair do lugar!

Licenciada, pós-graduada e mestre em Comunicação.

Certificada em Content Marketing e Inbound Marketing pela HubSpot Academy.

Lançou o projeto Conteúdo & Manteúdo - de produção profissional de conteúdos para web – com a missão de melhorar o posicionamento da informação dos negócios nos motores de pesquisa, atrair um público-alvo específico, aumentar o número de acessos e partilhas, fidelizar leitores, ampliar a visibilidade e autoridade das empresas e, claro, conquistar clientes e torná-los clientes fiéis!

No fundo o seu objetivo é redigir artigos que possam interessar e oferecer soluções para os problemas dos clientes… dos seus clientes!
Deixe um Comentário