Teletrabalho e filhos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Teletrabalho e filhos: a missão (im)possível de entreter as crianças para conseguir trabalhar a partir de casa

Com as escolas fechadas e as empresas a trabalhar remotamente é natural que em muitos lares os pais estejam a braços com a equação “teletrabalho e filhos” sem saberem bem como chegar ao resultado. E por muitos artigos sobre como entreter os miúdos durante a quarentena que leiam, a verdade é que o resultado será sempre: teletrabalho 0 | filhos 1.

Ainda assim, não pode desligar o computador e cruzar os braços! A crise está instalada, a Covid-19 continua a infetar e até a matar muitas pessoas em todo o mundo e por isso, o menor dos seus problemas ainda é – acredite! – conciliar o trabalho com a vida familiar. De qualquer modo não queremos deixar de o ajudar nessa missão (im)possível: temos as melhores instruções para conciliar teletrabalho e filhos! Acompanhe-nos!

Teletrabalho e filhos | Brinque com os seus filhos logo pela manhã para ter um dia mais tranquilo

Para começar, acorde um pouco mais cedo (ou à mesma hora que costumava acordar para ir para o escritório, tendo em conta que vai poupar tempo na deslocação) e logo a seguir ao pequeno almoço brinque um pouco com os seus filhos. Sabe porquê? Porque se começar logo de manhã a impor-lhes tarefas e a prometer-lhes que mais logo brinca com eles, vai ser pior! Crianças pequenas ficam ainda mais impacientes se lhes pedirem logo de manhã para aguardarem. Por isso, convém reservar algum tempo para elas logo a seguir ao pequeno-almoço e mais tarde, sim, pedir-lhes para esperarem um pouco porque está ocupado(a) a trabalhar.

Teletrabalho e filhos | Converse com eles a respeito da nova rotina imposta pela Covid-19

É claro que isso de brincar logo de manhã com os miúdos e só depois começar a trabalhar nem sempre funciona. Nesse sentido, é importante que converse com os seus filhos a respeito da nova rotina aí em casa. Deve explicar-lhes – e se necessário repetir-lhes todos os dias – que estas semanas serão diferentes daquelas a que estão habituados, que todos vão ter de ficar em casa para evitarem o contágio do novo coronavírus, que vão ter muito tempo para brincar, mas que também terão de trabalhar um pouco, principalmente os adultos. E não se esqueça de explicar também que esta é uma situação temporária.

Teletrabalho e filhos | Mantenha a disciplina aí em casa

Os miúdos não querem saber se tem de trabalhar a partir de casa? Bom, talvez tenha de recorrer à disciplina. Como? Que tal replicar em casa o horário que fazem na escola: de manhã acordam, lavam-se, vestem-se, tomam o pequeno almoço e depois sentam-se à secretária a estudar ou a fazem os exercidos propostos pelos professores. E depois do almoço podem-se distrair com uma atividade mais recreativa!

Teletrabalho e filhos | Procure por ajuda junto dos familiares diretos

Se ambos os pais estão em teletrabalho, porque não “repartir o mal pelas aldeias”? Durante uma ou duas horas por dia fica um de vocês a entreter os miúdos, enquanto o outro trabalha e depois trocam… e assim sucessivamente! Em alternativa – ou caso seja o único adulto aí em casa – pode procurar coordenar-se com o seu filho mais velho, pedindo-lhe para cuidar do mais novo durante algum tempo por dia.

Coronavírus à parte, conheça as vantagens e desvantagens de trabalhar a partir de casa!

Teletrabalho e filhos | Brincadeiras que entretém… mesmo!

O pai (ou mãe) continua a ter de sair para trabalhar e não há nenhum filho mais velho com maturidade suficiente para tomar conta do mais novo? Pois a solução é – e esta sim, é uma dica infalível! – entreter as crianças com brincadeiras que sejam realmente apelativas. Inclusive pode impor metas ou prazos para melhor as envolver nas brincadeiras: 40 minutos para construir uma casa de legos, 30 minutos para fazer animais em plasticina, 20 minutos para desenhar a família ou 10 minutos para escrever um bilhetinho aos avós. É uma questão de puxar pela sua criatividade!

E se os seus filhos já são mais crescidos, aproveite para lhes fomentar o interesse pela leitura, pela pintura, pelo teatro, artesanato, etc. Por que não os convence a pintar uma tela? A ensaiar uma peça para representarem depois de jantar? A fazerem colares de missangas ou bonecos a partir de rolos de papel higiénico? A escreverem histórias sobre o coronavírus?

E à noite, por que não aproveitam para retomar o gosto por alguns jogos de tabuleiro que podem divertir e envolver toda a família?

Teletrabalho e filhos | Melhores estratégias para fazer chamadas e videoconferências sem interrupções

É claro que, mal ou bem, consegue enviar um email ou acabar de escrever uma proposta comercial com os seus filhos a brincarem mesmo ao seu lado, mas… e quando é necessário fazer e atender umas chamadas ou – pior! – videochamadas? Era ótimo que não fosse interrompido pelas crianças, não era? Pois bem, é nestas alturas que deve usar o trunfo. Qual trunfo? Bom, nalguns casos o trunfo chama-se “sesta”: basta avisar os seus colegas de que as pequenas criaturas fazem a sesta das 14 às 16 horas e que durante esse período está mais disponível. Mas se os seus filhos já não fazem sesta, tem de usar outros trunfos. Quais? O telefone! A consola! O computador! A televisão! Você sabe melhor do que ninguém o que distrai os miúdos, e face a esta crise, é legitimo flexibilizar regras e permitir que as crianças vejam um filme depois de almoço ou fiquem duas horas seguidas a jogar na consola. Relaxe! Ninguém lhe vai apontar o dedo por recorrer aos smartphones e consolas que existem aí por casa para entreter os miúdos de forma a conseguir trabalhar uma ou duas horas de seguida. Não se culpabilize com isso, até porque as novas tecnologias, nomeadamente as redes sociais e os jogos online, podem ser excelentes formas de ajudar os seus filhos a ultrapassar o isolamento social.

Teletrabalho e filhos | Aceite uma redução na sua produtividade

E por fim, o óbvio: aceite uma redução na sua produtividade! A menos que amordace as crianças e as feche num armário, é impossível manter o mesmo registo e a mesma qualidade de trabalho com filhos pequenos a cargo, em casa. Mas, como se tem apregoado, situações excecionais – como a que vivemos hoje – exigem medidas excecionais e a boa notícia é que (tal como anda a repetir aos seus filhos) essas medidas serão temporárias! Por isso…

– Meninos? Não querem ver um filme?
– Já vimos um filme hoje…
– A Pequena Sereia?
– Não, o Frozen.
– E não querem ver a Pequena Sereia?
– Vimos ontem…
– Já sei! O Gru O Maldisposto 3!
– Esse não!
– Então e o Shrek, que vocês gostam tanto?
– Vimos muitas vezes!
– Como treinar o seu dragão?
– Não…
– Toy Story
– Hum…
– Pode ser?
– Não!
– A Brave? À procura de Nemo? Paddington?
– Brrr…
– Madagáscar?
– Vimos duas vezes na semana passada.
– Marry Poppins!
– Isso é do teu tempo!
– O Rei Leão? Cinderela? Aladino? Os estrunfes?
– Estrunfes!? O que é isso?
– Os Smurfs! Pode ser?
– Ok, está bem…

Agora que as crianças ficaram entretidas com os estrunfes, clique aqui e aproveite para ler também o nosso artigo sobre o que o novo coronavírus mudou na legislação sobre teletrabalho.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Procura

ARTIGOS POPULARES

10 Etapas para criar um e-commerce e vender na maior loja do mundo!

Ter um computador com acesso à internet é fundamental, mas não basta para começar a vender na maior loja do mundo. Conheça as 10 etapas para criar um e-commerce, aqui!

Como abrir uma loja virtual em Portugal

Da legislação ao software de faturação, passando por uma série de especificações técnicas! Tudo o que precisa de saber para abrir uma loja virtual em Portugal!

12 Passos Para Abrir Uma Loja Online

Hoje em dia, esteja onde estiver e seja a que horas for, desde que tenha acesso à Internet, pode entrar numa loja online, colocar um produto no carrinho de compras, pagar e aguardar a entrega na comodidade do lar. Assim, motivos não lhe faltam para desejar abrir uma loja virtual.

Como Vender No Ebay Passo A Passo

Saiba como vender no ebay passo a passo Vender no eBay, na empresa de comércio eletrónico mais conhecida no mundo, é semelhante a vender

25 Ideias Para Criar Uma Pequena Empresa

Investimento reduzido + espírito empreendedor = negócio rentável Se tem interesse em abrir um negócio lucrativo mas pouco dinheiro para investir, não esmoreça.

Como Abrir Uma Loja Na Internet

Saiba como abrir uma loja na Internet. Vantagens e benefícios de uma loja na Internet. Além de ser uma solução fácil de implementar e gerir, uma loja online apresenta inúmeras vantagens

Como dominar um teste psicotécnico antes que ele o domine a si

Os testes psicotécnicos são uma ferramenta de seleção utilizada em todo o mundo em processos de recrutamento de candidatos para um trabalho, geralmente antes de ser realizada uma entrevista.

A Importância Da Comunicação

Tanto em família como em negócio, não dar importância à comunicação significa perder oportunidades de construção de um bom relacionamento.

Como Abrir Uma Empresa Online?

Para que seja mais fácil abrir uma empresa online e gerar um desenvolvimento económico, o Portal da Empresa desenvolveu ferramentas que permitem criar, de forma simples e segura, empresas online.

Como Criar Uma Empresa Da Forma Tradicional Passo A Passo

O método Tradicional de criação de uma empresa é o mais demoroso, pressupõe várias deslocações e uma atenção acrescida. Contudo, tem a vantagem do contacto pessoal e da facilidade de esclarecimento de dúvidas.

Conteúdo

Teletrabalho e filhos

Usamos cookies para que o site funcione corretamente, personalizar conteúdo e anúncios e para analisar o nosso tráfego.
Consulte a nossa política de privacidade.