Tudo o que precisa de saber sobre Geomarketing

geomarketing

O conceito de Geomarketing não é recente, mas muitos empreendedores podem não o reconhecer pelo nome próprio. No entanto, se falarmos em utilizar a localização dos potenciais clientes para segmentá-los, reconhecem a ideia. Uma excelente ideia, diga-se de passagem, pois nada como conhecer a localização do público para traçar estratégias de comunicação, promoção e vendas.

Geomarketing ou marketing geográfico é um processo de mapeamento que envolve o uso de dados de localização do público e é usado em marketing para visualizar e analisar informações de modo a adaptar as tomadas de decisão de uma empresa ao modo como o mercado se organiza no espaço. A técnica permite assim a análise de variáveis relevantes através da visualização de dados em mapas geográficos graças ao endereço IP ou sinal do GPS do smartphone do utilizador em causa.

O conceito de Geomarketing começou por ser usado pelas empresas para analisar as características do público de uma região e para determinar a localização de uma nova loja física, as áreas mais promissoras para vendas ou a melhor linha de atuação em cada local. Contudo, o conceito de Geomarketing alargou-se para acompanhar o crescimento do marketing digital – e também o uso generalizado de smartphones – e hoje em dia assume um significado muito amplo: estratégia de marketing que engloba inteligência sobre localização para otimizar campanhas e alcançar o consumidor no local e na hora certa.

Como usar o Geomarketing na sua empresa?

Empresas de sucesso usam estratégias de Geomarketing para relacionarem de forma eficiente informações do próprio negócio com as características do território em que atuam. E a sua empresa não pode ficar para trás!

O Geomarketing é um recurso indicado para qualquer tipo de negócio, sejam pequenas, médias ou grandes empresas, e por isso convém saber como usar o Geomarketing com eficácia. Não é complicado! Basta definir um objetivo e escolher a ou as estratégias que se podem adotar a nível de marketing geográfico. São elas…

1. Geotargeting – para segmentar

Geotargeting é uma formas mais comuns de utilizar o Geomarketing. Trata-se de uma estratégia de segmentação de mercado de acordo com a localização das pessoas, que permite a uma empresa segmentar uma campanha ou filtrar de acordo com o seu objetivo estratégico. Por exemplo, pode segmentar por país (Portugal, se pretende chegar a todos os consumidores portugueses), segmentar por cidade (Lisboa, se pretende chegar apenas a pessoas que vivem ou trabalham na capital), segmentar por rua (Av. da Liberdade, se pretende segmentar apenas por pessoas que frequentem essa rua em particular), etc.
O geotargeting é possível na maior parte das plataformas online pagas, nomeadamente no Google Adwords e Facebook Ads, que recolhem dados a partir do endereço IP dos utilizadores.

Gostava de saber como fazer uma campanha de marketing bem-sucedida?

2. Geofencing – para oferecer conteúdo em tempo real

O Geofencing consiste em oferecer conteúdo em tempo real de acordo com a movimentação do utilizador que é captada pelo GPS. Ou seja, quando o smartphone do potencial consumidor entra numa área pré-determinada pela empresa, essa pessoa recebe um conteúdo por meio de uma notificação (email ou SMS), o que é particularmente útil e interessante no comércio local. Imagine, por exemplo, que consegue identificar um potencial cliente perto da sua loja física e que dispara uma notificação para o seu smartphone com um cupão de desconto de modo a atraí-lo para uma compra! Fantástico, não é verdade? Claro que para usar esta estratégia é necessário que o consumidor tenha um aplicativo da sua empresa e tenha autorizado a partilha da sua localização.

Não se esqueça de medir os resultados do seu marketing online. Use todas as métricas a que tem direito para perceber se atingiu os seus objetivos.

3. Geotagging – para localizar um utilizador numa publicação

Geotagging é uma estratégia de marketing que marca a localização de um utilizador numa publicação. Muitas pessoas usam este recurso em redes sociais como o Facebook e Instagram, quando estão num evento, numa festa, numa zona turística, de férias, etc. E as empresas podem assim agregar informações sobre os locais onde os utilizadores se encontram e promover novos negócios, aí perto, através da experiência da sua rede de contatos.

4. Geofiltros – para identificar a localização do utilizador

Os geofiltros, introduzidos pelo Snapchat, possibilitam a inserção de filtros em fotos e vídeos que por sua vez, permitem identificar a localização do utilizador e, como essa área é carregada automaticamente para a plataforma, as empresas podem criar os seus próprios geofiltros, seja em redes sociais, seja noutras plataformas.

Por falar em Snapchat, sabe como é que a sua empresa deve usar o Snapchat?

Benefícios da aplicação do Geomarketing na sua empresa

Apesar de existirem formas diferentes de trabalhar com Geomarketing, a técnica entrega sempre bastantes benefícios. Entre eles…

  • Conhecer melhor o mercado onde a sua empresa atua, nomeadamente identificar com maior assertividade o seu tamanho.
  • Segmentar o mercado.
  • Reconhecer quais os locais de maior potencial de consumo do seu produto/serviço.
  • Enviar promoções personalizadas ao utilizador.
  • Aumentar as hipóteses de interação entre a sua empresas e os clientes.
  • Desenhar o perfil do público-alvo.
  • Perceber o posicionamento da concorrência.
  • Descobrir comportamentos de consumo e cobertura de vendas em países, cidades, bairros, ruas…
  • Usar os dados de localização dos consumidores para a tomada de decisões estratégicas.
  • Reduzir riscos de negócio.
  • Otimizar investimentos.
  • Melhorar resultados comerciais.
  • Explorar oportunidades.
  • Ajudar a fortalecer a marca regionalmente, se for o caso.

Contra factos, não há argumentos. Hoje em dia, os consumidores fazem-se acompanhar de smartphones com GPS para onde quer que vão e a sua empresa deve tirar partido disso para saber onde se encontra o seu público-alvo e usar essa informação nas estratégias de marketing digital, nomeadamente na otimização de campanhas.

Leia também o nosso artigo sobre vantagens do SMS marketing.

Sobre Sofia Santos
Sofia Santos
Para ela escrever é dançar, rodopiar, suar, cansar, brilhar, aprender, rir e sonhar. Ir e voltar sem sair do lugar!

Licenciada, pós-graduada e mestre em Comunicação.

Certificada em Content Marketing e Inbound Marketing pela HubSpot Academy.

Lançou o projeto Conteúdo & Manteúdo - de produção profissional de conteúdos para web – com a missão de melhorar o posicionamento da informação dos negócios nos motores de pesquisa, atrair um público-alvo específico, aumentar o número de acessos e partilhas, fidelizar leitores, ampliar a visibilidade e autoridade das empresas e, claro, conquistar clientes e torná-los clientes fiéis!

No fundo o seu objetivo é redigir artigos que possam interessar e oferecer soluções para os problemas dos clientes… dos seus clientes!
Deixe um Comentário