Como Informatizar Uma Empresa

Como a variedade de equipamentos informáticos disponíveis hoje no mercado é imensa, é difícil perceber qual o tipo ou os tipos de computadores que deve comprar para a sua empresa e como pode reduzir custos nessa aquisição. Inclusive, o que pode economizar na compra dos equipamentos pode transformar-se em prejuízo a longo prazo se os computadores começarem a dar problemas, se o seu desempenho for deficiente, se o suporte for dispendioso ou se não corresponderem às necessidades da sua empresa. E por estes e tantos outros motivos que deve estar devidamente informado e ler as opções que apresentamos aqui, relativamente a tipos e componentes de computadores.

informatizar empresa

Algumas dicas sobre como informatizar uma empresa:

Computadores

1. Desktops

Se tem espaço e não pensa mudar tão cedo de instalações, os desktops são a melhor opção porque têm uma vida mais longa que os portáteis e costumam ser mais baratos e seguros. Além disso, como têm muito espaço para upgrades de memória e adição posterior de componentes, demoram mais tempo a ficar obsoletos.

2. Portáteis

Os portáteis têm vindo a ganhar destaque em qualquer empresa porque economizam no espaço físico e podem ser facilmente transportados, acompanhando os seus colaboradores nas suas deslocações. Porém, têm um desempenho inferior aos desktops, nomeadamente no que toca a aplicações gráficas pesadas, e não têm tanta facilidade para serem atualizados. Deste modo convém que atualize estas máquinas de 3 ou de 4 em 4 anos.

3. Netbooks e tablets

Os netbooks e os tablets são equipamentos com desempenho menor que o dos computadores portáteis mas mais fáceis de transportar devido ao tamanho e ao peso inferior. Servem para os colaboradores que têm um desktop na empresa mas que precisam de um equipamento que garanta o acesso ao email e a outras ferramentas de trabalham quando se deslocam até aos clientes.

4. Computadores desenvolvidos para uso em empresas

Se a sua verba o permitir, adquira computadores especialmente desenvolvidos para uso empresarial. Há várias marcas com critérios específicos para diferenciar este tipo de máquinas das de utilização pessoal.

Componentes

1. Monitores

Os monitores maiores podem aumentar a produtividade dos colaboradores em alguns tipos de negócio porque permitem que trabalhem com várias janelas abertas ao mesmo tempo mas exigem mais espaço e um maior investimento financeiro.

2. Processador

Se tiver disponibilidade financeira, escolha um processador com o maior número possível de cores (núcleos). Um sistema com dois ou quatro núcleos (dual ou quad core) permite um desempenho muito mais rápido e a realização de várias tarefas em simultâneo.

3. Memória

Como a memória também influencia a rapidez dos computadores e costuma ser mais barata que o processador, se tiver de economizar sem baixar o nível de desempenho, escolha o maior número possível de memória RAM. Isso vai permitir-lhe trabalhar com várias janelas abertas ao mesmo tempo.

4. Disco rígido

Além de guardar a informação da sua empresa, o disco rígido é o responsável pelo rendimento da máquina e pela memória virtual. Se trabalha apenas com documentos de texto não é necessário ter um grande disco. Mas se guarda imagens, vídeos e áudios, é conveniente comprar máquinas com discos maiores, no mínimo superiores a 1Tb.

5. Rede

Normalmente os computadores já vêm de fábrica com placa de rede. Tratando-se de portáteis, não esqueça que é importante que possuam placa wi-fi para permitir o acesso à Internet sem fios.

6. Duração da bateria

Se os seus equipamentos costumam ser utilizados longe de uma tomada de eletricidade, é importante que tenham autonomia de 5 horas no mínimo.

7. Eficiência energética

Os custos em eletricidade dos equipamentos são também importantes, principalmente se costumam ficar ligados 24 horas por dia.

8. Placa de som

Atualmente as placas-mãe já vêm com placas de som integradas e são suficientes se o registo de sons lhe basta. Só para um leque estrito de empresas é que são necessárias placas de som mais elaboradas.

Print Friendly

About The Author

Sofia Santos

Licenciada, pós-graduada e mestre em Comunicação, exerce atualmente a atividade de Técnica de Marketing na PC.Clinic. Adora as estratégias online para difusão de marcas, produtos e serviços de empresas mas gosta mais ainda de as usar para ir ao encontro dos desejos e necessidades dos consumidores mais exigentes. Pelo meio não consegue largar a produção de conteúdos de qualquer género e em qualquer tipo de suporte. Para ela escrever é dançar com as letras. É brilhar, rodopiar, suar, cansar, aprender, rir e sonhar. Ir e voltar sem sair do lugar.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *